Blog

Energia solar: 7 tendências inovadoras no mercado
Tudo sobre Energia Solar

Energia solar: 7 tendências inovadoras no mercado

O sistema de energia solar já deixou o patamar de tendência e passou a se popularizar como fonte renovável e sustentável de geração de energia no Brasil e no mundo. De acordo com dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica, o Brasil atingiu a marca de 7 GW de potência instalada em 2020.

A fonte solar fotovoltaica ainda liderou o crescimento da capacidade instalada de energias renováveis no mundo em 2019. Foram acrescidos 115 gigawatts, o que responde por uma expansão anual de 22,5%, segundo o relatório internacional Renewables Global Status Report.

E esse crescimento não para por aí. Conforme o relatório Statkraft Baixas Emissões – Cenário 2020, a energia solar deve se tornar a maior tecnologia usada para geração de energia no mundo a partir de 2035. Neste cenário, o sistema fotovoltaico vai ultrapassar as fontes eólica, hidrelétrica, carvão e gás.

Outra análise da Agência Internacional de Energia indica que, por volta do ano de 2025, o custo médio da eletricidade gerada por sistema fotovoltaico deve cair até 59%. Ou seja, o barateamento da tecnologia de energia solar facilita o acesso dos consumidores e impulsiona o aumento no uso do sistema.

Vale destacar também que este crescimento está atrelado às inúmeras vantagens que a energia solar fotovoltaica proporciona aos consumidores finais, como:

  • Redução de custos na conta de energia elétrica em até 95%: o consumidor consegue tal economia com a geração da energia solar para seu uso interno e a troca do excedente por créditos de energia na conta, só pagando a taxa mínima;
  • Ganho ambiental com produção de energia limpa, infinita, renovável, sem gerar poluição nenhuma e nem barulho;
  • Retorno do investimento, em média, em 6 anos;
  • Rápida instalação por profissionais especializados;
  • Baixa necessidade de manutenção do sistema;
  • Alta durabilidade do kit de energia solar (com média de 25 anos);
  • Valorização do imóvel com as soluções fotovoltaicas e outras tecnologias ambientais, entre outros.

Diante deste cenário de expansão, os integradores precisam se manter atentos às novidades do setor. Tudo com o intuito de proporcionar maior eficiência do sistema na geração de energia e menos gastos aos seus clientes. Assim como, é possível entregar maior valor nos seus serviços de instalação.

Leia também: Instalação de energia solar: é melhor no telhado ou no solo?

Confira as 7 principais tendências no mercado de energia solar

No segmento de energia solar, a pesquisa científica é fundamental para apresentar novos caminhos. Assim, a cada momento, surgem estudos que podem transformar tendências em realidade.

Por isso, os responsáveis pela instalação de energia solar têm de conhecer as inovações para oferecer os melhores equipamentos para os clientes.

Confira algumas novidades abaixo:

1) Sistema solar integrado

Instalado em uma casa no subúrbio de Sydney, o sistema é o primeiro integrado no mundo a gerar eletricidade e calor ao mesmo tempo.

O sistema funciona por meio de um duto térmico ligado aos módulos fotovoltaicos. Assim, além de gerar energia elétrica, o modelo aquece e resfria o ar para complementar a climatização das residências.

Leia também: Conheça as diferenças entre aquecedor solar e painel de energia solar

2) Células solares orgânicas

Feitas de polímero e plástico, estas células são compostas de material orgânico leve, flexível e transparente. O funcionamento da célula orgânica fotovoltaica acontece com absorção e condução da luz.

Com a energia produzida, é possível alimentar computadores, celulares e componentes eletrônicos dos automóveis. Já há um projeto da CSEM Brasil em estudo no país com este material.

3) Painel solar transparente

Criado na Universidade Estadual de Michigan, este painel é quase transparente. Ele utiliza a energia solar por meio de moléculas orgânicas que brilham quando são expostas à luz.

O objetivo é usar estes painéis em janelas, já que são transparentes e não interferem na decoração ou projeto arquitetônico.

Atualmente, a tecnologia consegue converter cerca de 1% da luz em energia. A ideia dos desenvolvedores da solução é que este número chegue a 5%.

4) Energia da chuva

A partir do uso do grafeno, uma equipe de cientistas chineses desenvolveu um painel capaz de gerar energia por meio de gotas de chuva.

As pesquisas mostram que, ao entrar em contato com a água, o grafeno produz uma reação química. Dessa forma, os sais contidos na água são separados e transformados em íons positivos e negativos, gerando assim energia.

Apesar da nova tecnologia, vale lembrar que a geração de energia solar é possível mesmo em dias nublados com os atuais sistemas. Afinal, ela depende única e exclusivamente da luz do Sol e da incidência da mesma. Ou seja, a depender do índice solarimétrico da região, a produção é ainda maior e mais eficiente.

5) Telhas solares

Esta inovação, na verdade, é uma adaptação. Empresas italianas, em busca de eficiência e estética, criaram uma telha de cerâmica normal com quatro células fotovoltaicas incorporadas.

A ideia é utilizar em qualquer tipo de telhado, uma vez que a superfície é personalizável a todos os espaços. 

Vale destacar também a importância do integrador de sempre avaliar qual a melhor opção para a instalação da energia solar, seja no telhado ou no solo, para evitar o sombreamento e garantir o projeto mais eficiente possível.

Leia também: Instalação de energia solar: é melhor no telhado ou no solo?

6) Placa solar ondulada

Foi desenvolvida pela Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, uma placa solar ondulada. Trata-se de uma tendência baseada em uma antiga técnica japonesa de recortes de papel, conhecida como kirigami.

O formato ondulado permite que as placas aproveitem a luz em diversos ângulos, maximizando a produção. A inovação promete ser 36% mais eficiente do que as placas de energia solar com células fotovoltaicas tradicionais.

7) Revestimento para placas solares

Pesquisadores da Universidade de Riverside, na Califórnia, desenvolveram um revestimento para as placas. Este envoltório mistura nanopartículas inorgânicas semicondutoras com compostos orgânicos.

A ideia desta mistura é maximizar a conversão dos raios absorvidos pelas células solares e impedir o desperdício de porções infravermelha. A tecnologia promete ser 30% mais eficiente do que as placas tradicionais.

Tendências em módulos de energia solar

Além das novidades assinaladas acima, os integradores podem ficar de olho também em tendências relacionadas diretamente aos módulos de energia solar, como por exemplo:

  • Módulos de dupla face: permitem capturar a luz solar na face que não fica voltada ao Sol, a partir da reflexão no solo. Elas geram 15% a 20% mais luz solar.
  • Módulos que seguem o Sol: eles se inclinam de leste a oeste, ficando apontados no ângulo ideal para receber os raios de Sol, produzindo em média 35% mais energia.
  • Módulos esféricos de silício: aumentam o campo de incidência do Sol, capturando a luz de várias direções. Em testes simulados, a potência aumentou entre 15% e 100%.

Saiba mais: Integrador de energia solar: veja as oportunidades para a profissão no futuro

Por que usar equipamentos de energia solar inovadores?

Com tantas opções no mercado, seja de equipamentos tradicionais ou novos, os integradores devem estar se perguntando o porquê precisam se preocupar com as inovações e novas tecnologias.

E a resposta é simples: as tendências de energia solar são desenvolvidas em busca de maior eficiência na produção de energia solar. Assim, aumenta a energia elétrica distribuída para o imóvel dos clientes e cresce a economia gerada na conta de energia.

Como utilizar equipamentos modernos de energia solar?

Com tantas novas tecnologias criadas e desenvolvidas para a área de energia solar, a Solen Energia se destaca por estar sempre em constante aprimoramento.

A empresa possui os equipamentos mais modernos do mercado, com alta tecnologia, máxima qualidade e eficiência, e preza por oferecer um ótimo custo-benefício para os integradores.

Com diversas opções de produtos e serviços, a Solen Energia disponibiliza a infraestrutura necessária para quem vai instalar projetos de energia solar. Tanto em residências quanto em indústrias.

Entre em contato conosco e veja como podemos ajudá-lo.

Faça download do “[Guia] Energia solar para pequenas e médias empresas”. Saiba como a energia solar reduz custos de PMEs e tire todas as suas dúvidas!

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.