Blog

Energia solar residencial: como fixar os módulos fotovoltaicos
Energia Solar Residencial

Energia solar residencial: como fixar os módulos fotovoltaicos

A energia solar residencial é a principal fonte de instalação dos sistemas fotovoltaicos no Brasil. Segundo dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica, em número de sistemas instalados, os consumidores residenciais lideram a lista, representando 72,8% do total.

Depois das unidades residenciais, a energia solar está mais presente nas empresas dos setores de comércio e serviços (17,3%), propriedades rurais (7,0%), indústrias (2,5%), poder público (0,4%) e outros tipos, como serviços públicos (0,03%) e iluminação pública (0,01%).

Mas, apesar de parecer ser possível fazer a instalação na própria residência, isso não é recomendado. Até porque essa atividade não é tão simples e exige conhecimentos em elétrica e qualificação apropriada. 

Assim, os proprietários não devem realizar a instalação sozinhos, buscando ajuda especializada para todas as etapas do projeto de energia solar, incluindo a fixação dos módulos fotovoltaicos.

Afinal, é preciso ir muito além do que a simples implementação do kit de energia solar. É importante entender as necessidades da residência e os objetivos de economia com o sistema fotovoltaico para, então, dimensionar o projeto, estudar a viabilidade da área de instalação, o sombreamento, entre outros aspectos.

Só depois disso tudo que entra em cena o papel da instalação, que deve ser executada pelos integradores, profissionais realmente habilitados e capacitados para implementar o projeto com segurança e garantir a eficiência na geração de energia elétrica.

Então, vamos ver mais detalhes sobre a atuação dos integradores para a instalação da energia solar residencial, mais especificamente na fixação dos módulos.

Leia também: Instalação de energia solar: é melhor no telhado ou no solo?

Como os integradores devem atuar na energia solar residencial

Em primeiro lugar, vale destacar que o mercado de energia solar está em alta. Tanto que o setor gerou 40 mil postos de trabalho no primeiro semestre deste ano, revela pesquisa da Absolar. Já são também mais de 160 mil vagas desde 2012.

Na projeção futura, o Brasil poderá criar mais de 672 mil novos empregos só em microgeração e minigeração distribuída até 2035.

Outro ponto relevante é o crescimento da procura por cursos na área. Segundo a Elektsolar, a busca por especializações aumentou 50% entre janeiro e julho.

Entre os profissionais mais requisitados no ramo de integradores, estão projetistas, engenheiros, técnicos elétricos, técnicos de instalação e profissionais de manutenção.

Então, na instalação de energia solar residencial, os integradores devem saber em detalhes como funciona a estruturação de módulos fotovoltaicos para telhados e a montagem para o chão. Assim como, devem conhecer os principais erros cometidos na fixação para evitá-los.

Além disso, é importante que eles tenham parcerias com fornecedores confiáveis para comprar os equipamentos da mais alta qualidade, eficiência e segurança.

Leia também: Energia solar fotovoltaica: 6 dicas para definição dos fornecedores

Como funciona a fixação dos módulos fotovoltaicos

Entre as principais atribuições dos integradores, a fixação correta dos módulos fotovoltaicos é essencial na instalação da energia solar residencial para garantir sua segurança. Assim, é possível deixar o sistema firme e eliminar o risco das ações de intempéries, como ventos e tempestades.

Em geral, a maioria das estruturas de fixação é feita de alumínio ou aço inoxidável, com trilhos e parafusos para prender de modo eficaz, e pode ser empregada em telha de concreto, barro ou fibrocimento, telhado metálico ou fixação direta no solo. 

Os sistemas de suporte, inclusive, podem ser personalizados para atender às diferentes necessidades de instalações fotovoltaicas. E é fundamental que eles tenham materiais de alta qualidade e proteção contra corrosão.

Dicas para os integradores fixarem os módulos

Como falamos, a estrutura deve aguentar tempestades e também suportar o peso dos módulos fotovoltaicos. Afinal, o suporte é a base do sistema, devendo garantir a segurança, a eficiência da geração de energia solar residencial e o retorno do investimento.

Portanto, conheça boas práticas na hora de instalar a fixação dos módulos:

– Compre sempre estruturas de fixação pré-fabricadas de empresas especializadas.

– Saiba se a estrutura de fixação atende ao mercado brasileiro e suporta ventos de até 120 km/h.

– Veja atentamente o manual e siga as recomendações dos fabricantes, já que os suportes possuem diferentes modelos e etapas de instalação.

– Confira se todos os parafusos, ganchos e trilhos para a montagem estão na embalagem.

– Fique de olho em trilhos de alumínio muito finos, porque, normalmente, eles não duram muito tempo.

– Tenha sempre à mão as ferramentas para parafusar e encaixar todos os ganchos e trilhos da estrutura metálica de fixação.

– Para telhas metálicas, a interface da estrutura de fixação precisa ser colada diretamente sobre as telhas. Neste caso, a cola deve ser específica para este serviço e a superfície deve estar limpa.

Com todos estes cuidados, a estrutura de fixação estará apta para receber o módulo fotovoltaico, seja no chão ou no telhado.

Saiba mais: Energia solar para empresas: integrador precisa se preocupar com garantia?

Principais erros na fixação da estrutura na energia solar residencial

Além dessas recomendações, vamos ver erros que podem ser cometidos e devem ser evitados pelos integradores na instalação da estrutura de fixação.

Priorizar o custo: como mencionamos, o suporte precisa ser de qualidade para assegurar a geração de energia solar. Então, de nada adianta economizar na compra e usar um material ruim. O resultado é insatisfatório, além do risco de não segurar o sistema fotovoltaico, causando a queda do mesmo. 

Achar que todos os sistemas de fixação são iguais: existem diversas possibilidades de bases de sustentação. É preciso analisar o tamanho do sistema de energia solar residencial e a quantidade de módulos a serem instalados, o tipo de telha, a inclinação, entre outros aspectos.

Conte com a Solen Energia

Para você, como integrador, entregar um serviço de alto valor agregado na instalação da energia solar residencial, é importante contar com um parceiro especializado, com experiência e conhecimento de mercado.

A Solen Energia oferece as melhores soluções de energia solar, com equipamentos de vanguarda tecnológica, máxima qualidade, ótimo custo e dos principais fabricantes mundiais.

Além disso, cumprimos com os prazos para entrega dos equipamentos e te apoiamos em qualquer necessidade durante o projeto, tanto no dimensionamento como na instalação.

Entre em contato conosco agora mesmo e seja um integrador parceiro.

Faça download do nosso Guia do Integrador e saiba como captar mais clientes.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.